Atenção!

Informamos que desde o ínicio de 2015:

- não recebemos nenhum tipo de ajuda vinda de familiares;
- nenhum familiar do Ratinho (excluindo pai e mãe) empresta, oferece ou sob outras formas, dinheiro ou bens materiais para ajudas relacionados com o Ratinho ou outros;
- nunca nos encontrariamos na situação actual se não fosse a maldade de determinados membros de familia que têm vergonha de ter uma criança deficiente como familiar;
- que eu, mãe, fui sujeita aos mais diversos tipos de abusos para manter o meu filho seguro e dar-lhe a melhor qualidade de vida possível

Quem disser o contrário, está a mentir.

Saturday, July 17, 2010

Quase ganhou asas

Esta semana foi muito complicada. O Ratinho teve uma grande pneumonia que apareceu sem avisar. No inicio do dia estava bem, no final do dia ja estava internado. A noite de segunda feira foi muito complicada...quase que o Ratinho ganhava as suas asas...mas não ganhou e cá está ele, a voltar aos poucos.
O Ratinho é um menino muito lindo. Muito bem disposto...mas algo se perdeu na viagem aos USA, algo ficou lá e ainda não voltou. Sinto que o meu menino não é o mesmo. Perdeu os beijinhos, o sorriso, a boa disposiçao. Já pensei numa série de hipoteses e explicações, já me disseram outras tantas...mas a verdade é que nunca saberemos o que causou esta "perda".
Talvez o Ratinho volte a ser como era. Se não voltar iremos, de certo, habituar-nos rapidamente ao novo Ratinho e ama-lo mais ainda...se é que é possivel.

Tudo isto leva a outra questão.
O Ratinho fica cada vez mais doente, com infecções mais graves. O Dr. Dobyns foi muito explicito quando disse que TEMOS que controlar a epilepsia. As palavras foram qualquer coisa como "Epilepy brings reflux, reflux brings pneumonia". Então temos que lutar contra a epilepsia para diminuir a possibilidade de pneumonia pois quando tem crises fica com refluxo e esse refluxo pode ir /vai para os pulmões e provoca as malditas infecções. Heis a nossa nova missão.

5 comments:

  1. Ainda bem que o Ratinho está a recuperar!
    Beijinho grande para todos, especialmente para ele :)

    ReplyDelete
  2. Olá querida, fico feliz que ele já esteja melhor.
    Aos poucos ele voltará a ser o teu menino meigo.
    Beijinhos para vocês e votos de um bom fim de semana,
    Carla

    ReplyDelete
  3. Fico feliz que o ratinho melhorou.
    Muitos beijinhos e que agora tenham um bocadinho de tranquilidade para poderem recuperar forças para a noca missão.

    ReplyDelete
  4. Fico muito feliz que o ratinho melhorou, ele é muito forte.
    Agora espero que consigam descansar um pouquinho para começar a próxima batalha.
    Beijinhos e continua com essa força imensa.

    ReplyDelete
  5. Pode ter sido apenas a viagem..sempre altera o funcionamento do organismo..quanto mais uma viagem a outro continente, com o jet lag..ou lá como se chama..

    Não há palavras que lhe possa mandar para lhe dar coragem...tudo em si é força..mesmo quando nos conta estes episódios que a devem consumir por dentro..sempre nos deixa a nós, que somos os que a deviamos animar, uma palavra de esperança..de que o ratinho vai superar mais este novo "desafio"..bem.. palavra mal escolhida não??? mas não me ocorrem palavras para tentar anima-la, porque é uma voce que me anima a mim e me mostra que possivel acreditar, que o ratinho vai avançar, aos poucos..é certo..mas no seu ritmo..e rodeado de muito..muito amor...

    bem aja por ser a mãe que é.
    dá medo pensar noutros "ratinhos" que não tem a mesma sorte...de ter uma mãe assim

    ReplyDelete

LEILAO DE VERÃO

Leilão de Verão

http://sorrisos-para-ratinhos.blogspot.com/


PARTICIPEM!!!